sexta-feira, 29 de abril de 2016

Queimada urbana prejudica meio ambiente


Em Caxambu vem acontecendo muitos focos de queimada isolados por toda a cidade. O problema está por toda parte, incluindo terrenos baldios, às margens de logradouros públicos e da rodovia, não havendo uma concentração sobre o ocorrido. O tempo seco registrado foi um dos fatores dessa degradação ambiental na cidade.
Quanto mais se prolonga o período da seca em nosso país, mais ocorrem grande queimadas, prejudiciais tanto para o meio ambiente quanto para a saúde humana. Entretanto, não são somente as grandes queimadas florestais, que arrasam imensas áreas verdes, que constituem crimes ambientais.
Queimar qualquer coisa, que gere a poluição e cause danos à saúde, é crime, previsto no artigo 54 da Lei Federal 9605/1998 conhecida como Lei do Meio Ambiente.
A secretaria Municipal de Meio Ambiente de Caxambu, ressalta que nem no quintal deve-se fazer queimadas, ainda que de galhos secos e folhas, pois, apesar de ser propriedade particular, prejudica o ambiente, que é um bem da comunidade. A fumaça é antinatural, danosa e, às vezes, fatal. Por isso, e hora de cada um fazer a sua parte, não queimando lixo doméstico, não jogando lixo em terrenos baldios, áreas verdes ou matas ciliares, evitando a possibilidade de queimadas espontâneas e, não jogar bitucas acesas de cigarro em locais onde há lixo, folhas secas ou mato.
Desse ato negligente e descuidado pode resultar um incêndio de dimensões incalculáveis! Vamos juntos cuidar e preservar!

Prefeito de Caxambu marca presença na inauguração da 2ª Cia de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais

O prefeito de Caxambu esteve presente na manhã desta quinta-feira (28), em Varginha, na inauguração, feita pelo Governador do Estado de Minas Gerais Fernando Da Mata Pimentel, da 2ª Cia de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, que realizará o atendimento pré-hospitalar de urgência em parceria com o CISSUL (Consórcio Intermunicipal de Saúde da Macro Região do Sul de Minas) que gerencia o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).
A cidade de Caxambu também será beneficiada com a aeronave, que ficará no 9º Batalhão de Bombeiros Militar, onde a equipe tripulante estará à disposição para atender as ocorrências. 
Equipada com Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), a aeronave, transportará os profissionais médicos, enfermeiros, piloto e co-piloto, nos atendimentos pré-hospitalares como: transferências inter-hospitalares de urgência, capitação de órgãos, transporte aeromédico (urgência -em casos de acidente automobilísticos em rodovias), bem como, por parte do Corpo de Bombeiros: prevenção aquática; salvamento em altura; incêndios florestais; transporte e resgate em locais de difícil acesso; e transporte de equipe especializada (operações especiais).

O objetivo do CISSUL é regionalizar o atendimento, viabilizando a locomoção do paciente ao hospital mais próximo com atendimento adequado e tem a responsabilidade de gerenciar a rede composto por 153 municípios e 27 hospitais credenciados, que dentre estas cidades, Caxambu foi contemplada com Base Descentralizada que conta com uma base do SAMU equipada e com profissionais capacitados para atender a população da região.
Foi com muito esforço da atual Administração que batalhou desde o início do projeto, janeiro de 2015, junto aos demais interessados pela criação do CISSUL. O projeto foi realizado e devido a essa idealização foi implantado o SAMU. E é com muita responsabilidade e orgulho que esta Administração Municipal faz parte como membro do Conselho Diretor deste Consórcio.

EDITAL DE NOTIFICAÇÃO DE LIBERAÇÃO DE RECURSOS FINANCEIROS

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Museu Municipal de Caxambu terá reabertura com exposição fotográfica

Na manhã desta quinta-feira (28) reuniu-se na prefeitura de Caxambu, membros do conselho do museu e alguns fotógrafos da cidade para explanar assuntos relacionados ao Museu Municipal de Caxambu que terá como atração em sua reabertura exposição fotográfica de paisagens de nossa estância hidromineral.
Estiveram presentes o secretário de Turismo e Cultura de Caxambu Tiago de Carvalho Alves, os membros do conselho do museu Paulo Paranhos, Shirley Ballonas e Sérgio Flávio Rocha, além dos fotógrafos convidados para exporem seus trabalhos Hiara Mangia, Ricardo Levenhagen, Ricardo Melo e Francisco Erlei de Souza. Alguns fotógrafos não puderam comparecer por compromissos assumidos anteriormente.
Após a reunião com os conselheiros e fotógrafos, todos seguiram para o prédio do museu a fim de verificar de qual forma os trabalhos fotográficos seriam expostos. De comum acordo foi decidido que os trabalhos serão expostos em painéis já existentes no museu e que a provável data da exposição que marcará sua reabertura será dia 16 de setembro. Sendo assim, os fotógrafos terão mais tempo para trabalhar suas fotografias e o Museu estará completamente funcional e seguro.
  

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Mais uma conquista desta administração! CESSÃO DE USO DO PRÉDIO DA FUNDAÇÃO (ANTIGA FUNABEM)

A Prefeitura Municipal de Caxambu recebe autorização através do Ofício 19744/2016-MP, datado em 11/04/2016 de MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, SECRETARIA DO PLANEJAMENTO DA UNIÃO, SUPERINTENDÊNCIA EM MINAS GERAIS, em que AUTORIZA A OCUPAÇÃO IMEDIATA, do imóvel localizado na Rua Américo de Macedo nº 134, centro- Caxambu, (CONHECIDA COMO FUNDAÇÃO) onde funcionava a antiga FUNABEM, para fins institucionais, com plenos poderes para obras de manutenção, preservação, adaptação caso necessários para os devidos fins.
Está conquista foi uma luta árdua e persistente desta administração 2013/2016, assim como a observância ao disposto na autorização de ocupação imediata, obedecerá às prioridades de ocupações municipais relevantes.
É imensa a satisfação desta conquista tanto por esta administração quanto pela população caxambuense, que há muitos anos reivindicava esta aquisição.
Essa realização possibilitará grandes avanços estruturais, e conquistas para novos empreendimentos em nosso Município. Em breve anunciaremos a pretensão de ocupação (imediata) de utilização.

Os encantos de Caxambu

A cidade de Caxambu foi destaque na 1ª edição da revista Circuito das Águas, com lançamento no feriado do dia 21 de abril.
A edição que conta a história de Caxambu explorou várias riquezas provando que somos considerados a principal estância hidromineral do país. Possuindo a maior concentração de águas-carbogasosas do planeta.
Mostrando as belezas de nossa Caxambu e os benefícios do Balneário Hidroterápico do Parque das Águas, contemplou o espaço amplo que possuímos, moderno e confortável, fazendo com que os usuários possam desfrutar da piscina aquecida, massagens para o momento de relaxamento, duchas com água quente ou fria e saunas.

Estrada Real de Caxambu mais limpa


Neste mês de abril, mostramos os entulhos que estavam na Estrada Real próximo à divisa que liga Caxambu a Baependi, mas os lixos já foram retirados com acompanhamento da assessora de Áreas Verdes, Ana Paula, e secretaria de Meio Ambiente.
E hoje, o local encontra-se limpo e cercado. Conforme solução apresentada, o ponto da estrada foi murado com bambu para que não ocorra mais o descarte de lixo no local indevido, contendo uma placa de advertência com a intenção de coibir a ação de vandalismo e preservar a nascente.

terça-feira, 26 de abril de 2016

Caxambu foi sede da 2ª Copa Unimed de Vôlei Mirim Feminino

A cidade de Caxambu sediou no dia 23 de abril a 2ª Copa Unimed de Vôlei Mirim Feminino, no ginásio Jorge Curi, com organização da Liga Sul Mineira de Vôlei.
O time de vôlei de Caxambu também marcou presença, e contou com a participação de mais quatro cidades da região: São Lourenço, Itamonte, Olímpio Noronha e São Vicente de Minas.
O objetivo principal deste evento é fazer com que as equipes estejam ligadas ao esporte e no que ele pode proporcionar com essas competições, com o intuito de mostrar o desenvolvimento e a disciplina de cada menina em quadra. Todas as atletas mostraram garra e um ótimo desempenho, afirma o presidente da Liga, Luiz Antônio Rabelo da Silva, mais conhecido como “Careca”.
 

Reunião do Conselho Municipal do Patrimônio Histórico e Artístico de Caxambu

No dia 25 de Abril, do ano corrente, estiveram presentes na Prefeitura de Caxambu os membros do Conselho Municipal do Patrimônio Histórico e Artístico de Caxambu. A reunião teve por objetivo discutir assuntos relacionados ao Museu Municipal, obras e principalmente com a segurança do lugar. O Museu Municipal de Caxambu recentemente passou por uma grande reforma restando apenas a pintura do gradil externo e a melhoria na segurança do local.
A prefeitura de Caxambu informa a todos que fizeram a inscrição para o concurso público, que o prazo final para solicitação de restituição da taxa de inscrição, encerra no dia 29 de abril (na sede da prefeitura), no setor de requerimento das 12h às 16h, e até dia 30 de abril o requerimento via email, enviando para: concurso@caxambu.mg.gov.br.

Agradecemos a colaboração de todos.

Estratégia Saúde da Família Hilda da Silva Nogueira exibe bom atendimento na saúde

A ESF Hilda da Silva Nogueira, situada no bairro Santa Tereza, em Caxambu, tem se tornado referência em agilidade no atendimento e marcação de consultas. Aproximadamente 5 mil pessoas, entre crianças, adultos e idosos são atendidos mensalmente pelos médicos gerais, pediatria, obstetrícia e psicólogo.
O funcionamento se baseia no agendamento feito pelos próprios pacientes com os Agentes de Saúde ou passando por uma triagem no setor de enfermaria, pois dependendo do caso ou gravidade, são encaminhados para a consulta com o médico específico da unidade.
Os serviços oferecidos aos pacientes são: consulta médica, visitas domiciliares, coleta de preventivo, curativo, atendimento a gestantes, retirada de pontos, pesagem, aferição de pressão, atendimento bucal, entre outros.
Um dos diferenciais são os trabalhos realizados com grupos específicos como diabéticos, hipertensos, gestantes, crianças e idosos com a realização de atividades extras como palestras nas escolas, reunião com grupo de gestantes e café da manhã dos diabéticos, facilitando todo o acompanhamento dos pacientes.
A ideia é oferecer procedimentos com ações de prevenção, evitando o adoecimento dos usuários. Além disso, são realizadas mensalmente atividades educativas referentes, como por exemplo, ao vírus transmitido pelo mosquito aedes aegypti, na comunidade.
Um trabalho unido com a atual Administração, visando à melhoria na saúde e a qualidade de vida da população.








Meio Ambiente providencia retirada de lixo jogado em local indevido em Caxambu

O descarte de lixo doméstico tem sido alvo da reclamação dos moradores do bairro Vila Verde e bairros vizinhos, em Caxambu. Os lixos estavam na Estrada Real próximo à divisa que liga Caxambu a Baependi. E nesta semana, a assessora de áreas verdes, Ana Paula, esteve no local para verificar a gravidade do problema e analisar o que poderia ser feito, pois a quantidade de lixo jogado era em lugar inapropriado. 
Em parceria com a prefeitura de Caxambu, funcionários e equipamentos foram disponibilizados para começarem a fazer retirada dos dejetos, no que resultou em toneladas de entulhos que foram jogados na estrada, incluindo sofás, colchão, lixos domésticos, vasos sanitários, livros, pneus, entre outros. 
Apesar do descarte do lixo em locais impróprios ser caracterizado como crime, alguns moradores ainda cometem este tipo de ação. Esse mesmo procedimento já foi feito no local ano passado, sendo um trabalho demorado, pois os lixos foram levados para o aterro sanitário da cidade, o que levou muito tempo entre uma ida e outra.
Além disso, outro transtorno aconteceu trazendo um grande perigo para a sociedade, uma vez que no lugar havia uma nascente e parte dela foi coberta pelo lixo, permanecendo algumas poças que podem proliferar doenças e também servir como foco do mosquito aedes aegypti.
Segundo a Administração do município e o meio ambiente, esse ponto da estrada será cercado, contendo uma placa sinalizando advertência em quem insistir em jogar lixo em local proibido. A finalidade é coibir a ação de vandalismo e preservar a nascente.






quarta-feira, 20 de abril de 2016

Horta sem agrotóxico garante alimentação saudável em creches e entidades de Caxambu


O projeto HORTA FAMILIAR vem contribuindo com colheita destinada para as escolas, creches e entidades sócio-assistenciais do município.
O projeto que vem sendo elaborado dentro da Assistência Social desde o ano 2014, já apresenta bons resultados. Localizado no Parque das Águas, tem como foco prioritário os beneficiários do Programa Bolsa Família, desenvolvendo um excelente trabalho com o plantio, onde são retiradas todas as verduras e legumes necessários para a alimentação das crianças, jovens e idosos.
Nesta semana, o técnico e pedagogo responsável pela horta, Cláudio Bento, fez a colheita de escarolas que foram levadas para o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e divididas para o abastecimento da cozinha da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), Asilo Santo Antônio, e Associação e Casa da Criança e do Adolescente.
Um dos pontos mais importantes do projeto é que na horta não é usado nenhum tipo de agrotóxico, fazendo com que essa distribuição seja um reforço para as refeições, enriquecendo a alimentação. A escarola é, na verdade, um tipo de chicória. O consumo da verdura ajuda a diminuir os riscos de certas doenças, e é um alimento rico em cálcio protegendo a formação dos ossos.
Vale ressaltar que, diante desse projeto funciona também o “Laboratório da Horta” feito através de acompanhamento técnico de profissionais e voluntários, com aulas que ensinam a preparar os canteiros, semeadura, combate às pragas, transplante de mudas e colheita.
Para a secretaria do Asilo Santo Antônio, Maria Helena, é uma grande satisfação receber o alimento vindo da horta. Colaborando para a saúde dos idosos, que necessitam de um alimento mais natural. “Espero que essa horta produza mais e que esse projeto continue, pois tem nos ajudado na alimentação”, disse Maria Helena.








Prefeito de Caxambu se reúne na 9ª Delegacia da PRF a pedido dos comerciantes da cidade

O prefeito de Caxambu, Jurandir Belini, esteve em reunião hoje na 9ª Delegacia da PRF (Polícia Rodoviária Federal) atendendo ao pedido dos comerciantes da cidade por não estarem satisfeitos com a inclusão de nova placa na rodovia da BR 267.
Fizeram parte do encontro o representante dos comerciantes de Caxambu, Zumiro Souza Bernardes, o chefe de Delegacia Mauro Mansilha, e a chefe de Policiamento e Fiscalização Talita Cruz. 
O motivo da reunião foi por conta dos comerciantes de Caxambu não concordarem com a placa indicando destino à Aparecida (SP), situada na BR 267, próximo ao trevo de acesso a MG-383, que liga a cidade de São Lourenço, e que essa mudança vinha atrapalhando a movimentação de clientes na cidade.
De acordo com o chefe de Delegacia, o pedido para incluir a placa foi feito ao Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG) com base no grande índice de acidentes que estava acontecendo por essas rodovias. 
O que resultou num tráfego dividido, pois o fluxo é muito elevado principalmente nos finais de semana e feriados prolongados, pois as BRs 267 e 354, não possuem concessionárias e o risco de acidentes envolvendo veículos de carga, ônibus e carros de passeio torna-se iminente. Os veículos que saem da Fernão Dias (BR 381) no acesso a Campanha/MG e, posteriormente, com destino a região do Vale Paraíba e estado do Rio de Janeiro, utilizam esses itinerários.
A intenção da nova sinalização consistiu na diminuição do fluxo de veículos, no baixo índice de acidentes e, com isso, obtendo dois caminhos para seguirem o destino, sendo que um deles evolve o trevo de Caxambu. 
Segundo o inspetor, Mansilha, será estudada uma alternativa para suprir as necessidades das cidades que ficam entorno, não prejudicando assim as áreas comerciais. “Vamos analisar uma maneira de não prejudicar os comerciantes, mas também temos que preservar a ordem, incolumidade das pessoas, o patrimônio da União e o de terceiros”, concluiu Mansilha.


terça-feira, 19 de abril de 2016

Aparelho de Raio-X melhora atendimento na UBS Paulo Vianna (antigo hospitalzinho) em Caxambu

Buscando sempre oferecer o melhor para os usuários, a Unidade Básica de Saúde Paula Vianna de Araújo Filho, situada no centro da cidade de Caxambu, possui equipamento de Raio-x atualizado para melhorar o atendimento ao usuário.
Com as novidades surgindo, o equipamento foi adquirido com objetivo de oferecer melhores condições tanto para o trabalho dos profissionais quanto para a rapidez e qualidade do exame.

O novo aparelho que tem o funcionamento digital e em alta frequência, resulta em radiografias de qualidade e com a resolução das imagens melhores. Um ponto positivo também é que agora o paciente vai para casa com o exame já feito, pois com o equipamento anterior o procedimento era mais demorado. Explica a Tecnóloga em Radiografia da UBS Paulo Vianna, Rita de Cássia Vilela Santos.
Com o atendimento feito de terça a sexta-feira, a procura pelo exame de Raio-X tem aumentado bastante e aproximadamente 160 exames são feitos no mês, sendo que o antigo aparelho não estava dando conta da demanda, dificultando atender todo mundo no tempo preciso.
A inteção da atual Administração, junto à Secretaria Municipal de Saúde, é fazer com que os pacientes saiam satisfeitos e com mais agilidade no atendimento e no recebimento do resultado do exame.

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Centro de Convenções de Caxambu em obra

A obra do Centro de Convenções da cidade está em andamento e será mais um local de lazer para população, turistas, e municípios vizinhos.
Um projeto da Secretaria de Obras, com apoio da prefeitura de Caxambu que consiste num espaço que irá abranger auditório e espaço para eventos, com ambiente para a realização de aniversários, casamentos, festas, shows, parque de diversão e muita descontração.




Caxambu adianta vacina contra H1N1 visando à prevenção da população

A Campanha de Vacinação contra Influenza em Caxambu será iniciada nesta segunda, dia 18, nas unidades de saúde de segunda a sexta-feira. Excepcionalmente no sábado do dia 30 de abril (Dia D da Campanha), todas as unidades estarão funcionando.
A Secretaria de Saúde, por intermédio da atual Administração, informou que a cidade de Caxambu irá adiantar a vacina para prevenir o quanto antes toda a população caxambuense.
O objetivo da campanha é reduzir as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus.
A imunização contra a influenza é de fundamental importância, uma vez que se trata de uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias, pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos e nariz.
A vacina será estendida até o dia 20 de maio, e aplicada nos seguintes postos do município de Caxambu:
- Policlínica: de 8h30 às 16h;
- PSF do bairro Santa Tereza: das 9h às 15h30;
- PSF do bairro Caxambu Velho: das 9h às 15h30;
- PSF do bairro Santa Rita: das 9h às 15h30;
- PSF do bairro Trançador: das 9h às 15h30;
- PSF do bairro São Januário: das 9h às 15h30;
- Todas as unidades no dia D da Campanha (30 de abril): das 8h às 17h.
Devem ser vacinadas crianças de 6 meses a 5 anos de idade (grupo prioritário), gestantes, puérperas ( mulheres até 45 dias após o parto), idosos com 60 anos ou mais (grupo prioritário), e portadores de doenças crônicas (havendo a necessidade de prescrição médica dos portadores, especificando o motivo da indicação da vacina, que deverá ser apresentada no ato da vacinação.
De acordo com a coordenadora de Imunização, Maria Fátima, a medida preventiva para evitar surto da síndrome gripal, é: Higienizar as mãos com água e sabonete antes das refeições, antes de tocar os olhos, boca e nariz, e após tossir, espirrar ou usar o banheiro; Usar lenços descartáveis protegendo a boca e nariz ao tossir ou espirrar, para evitar disseminação de aerossóis; Lavar os brinquedos das crianças com água e sabão e desinfetar com álcool a 70% para evitar contaminação com secreções; Aos pais, observar se o filho está com tosse, febre e dor de garganta, e procurar assistência médica; Não compartilhar mamadeiras, copos, toalhas e objetos pessoais com indivíduos com sintomas de gripe; Recomenda-se que a criança ou adulto doente fique em casa, a fim de evitar a transmissão da doença; Manter os ambientes ventilados; Indivíduos que sejam casos suspeitos ou confirmados de gripe devem ficar em repouso, utilizar alimentação balanceada e ingerir bastante liquido.
Portanto, não deixe de ir à unidade de saúde mais próxima de sua casa levando o cartão de vacina.

quinta-feira, 14 de abril de 2016

CRAS de Caxambu desenvolve projeto celebrando o Dia do Índio

Com apoio da prefeitura de Caxambu, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) desenvolveu, neste mês de abril, com base no auxílio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), o projeto “Cultura Indígena” em comemoração ao Dia do Índio, que é celebrado dia 19 de abril.
Um trabalho que tem como objetivo complementar as ações da família e comunidade na proteção e desenvolvimento de crianças, adolescentes e idosos, no fortalecimento dos vínculos familiares e sociais. Estimulando a participação na vida pública do território e competências para a compreensão crítica da realidade social do mundo contemporâneo, contribuindo na inserção, reinserção e permanência no sistema educacional.
A ideia se concretizou em atividades que incentivaram o conhecimento, a participação e a vivência da cultura indígena de forma dinâmica. Com um projeto apresentado através de exibições de filmes e palestras, que possibilitou demonstrar um pouco do cotidiano da vida indígena, incluindo suas formas de sobrevivência.
A programação aconteceu no Parque das Águas de Caxambu, onde através de um “laboratório” tiveram contato direto com plantas que os índios utilizavam para a sobrevivência. Empenharam-se também com a criação de cartazes identificando a flora encontrada, despertando a curiosidade e a criatividade de todos.
Uma parceria com o projeto Horta Familiar da Assistência Social, onde os grupos tiveram a oportunidade de lidar com a terra, aprendendo todo procedimento para a realização do plantio. Um canteiro foi destinado exclusivamente para as crianças e os jovens, que ficaram responsáveis pelo plantio de legumes, e as ervas medicinais ficaram por conta da terceira idade.
Aproveitando a data comemorativa, vários trabalhos surgiram e, dentre eles, a brincadeira com o esporte indígena conhecido como “Bola Cega”, uma espécie de futebol. Os jovens se divertiram seguindo as regras do jogo onde o gol só podia ser feito com quem estivesse com os olhos vendados, estimulando a atenção e união do grupo, pois o jogador de olhos vendados tinha que ser orientado pelos participantes de seu time.
Um projeto cujo responsável é a recreadora, Nathallie Pellecchia, que tem a função de assessorar a orientação social do SCFV, e colocou em prática um conceito que usou muita capacidade e sensibilidade de cada um. Com um tema que contribuiu para reflexão, integração e socialidade de todos.